Fechar menu lateral

PPGE

O Programa de Pós-graduação em Educação da UFJF foi criado em 1994, aprovado na instituição pela Resolução do CONSU nº 09/94 de 28 de abril de 1994, iniciando as atividades do Mestrado em março de 1995. Foi recomendado pela CAPES em 09 de abril de 1999 e reconhecido pelo MEC através da Portaria nº 1734 de 07 de dezembro de 1999. Possui conceito 4, conforme os critérios da CAPES – Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior e, desde 2008, funciona também no nível de Doutorado.

O PPGE/UFJF se organiza a partir de um eixo integrador, a área de concentração:

EDUCAÇÃO BRASILEIRA: GESTÃO E PRÁTICAS PEDAGÓGICAS – focando em processos sociais e políticos que configuram a relação entre o Estado e a sociedade na realidade educacional brasileira, bem como os processos específicos de construção do conhecimento no âmbito da educação escolar e não escolar e aspectos mais cotidianos e simbólicos, de processos de educativos, discursivos e de subjetividade. Um dos processos fundamentais que está sendo objeto permanente de inquirição é a educação pública, desenvolvida nos diferentes níveis de ensino, buscando identificar as possibilidades e perspectivas de transformação e superação de seus limites. Considerando que a esfera pública não diz respeito exclusivamente ao estatal, mas a toda sociedade, o que se deseja é contribuir para que os processos educacionais sejam agentes efetivos de democratização da sociedade brasileira.

Esse eixo integrador se desdobra em três linhas de pesquisas:

  1. TRABALHO, ESTADO E MOVIMENTOS SOCIAIS;
  2. LINGUAGENS, CULTURAS E SABERES;
  3. DISCURSOS, PRÁTICAS, IDEIAS E SUBJETIVIDADES EM PROCESSOS EDUCATIVOS.

Em torno da sua área de concentração e de suas linhas, são organizados os projetos de pesquisa, o desenho curricular e as demais ações do programa

O Programa – em seus dois níveis: Mestrado e Doutorado – tem como missão: produzir, ampliar e aprofundar conhecimentos, alargar a capacidade criadora, aperfeiçoar a formação profissional para o exercício de atividades de ensino e pesquisa, contribuindo para o avanço da produção e difusão de conhecimentos em Educação, com relevante impacto social, na Educação Básica, no Ensino Superior e na sociedade de forma geral.

A partir dos princípios que balizam esta proposta, busca-se formar profissionais na área da Educação, por meio da área de concentração do curso e suas linhas de pesquisas, que possam traduzir tais princípios em ações no campo da docência, pesquisa e extensão, consolidando o tripé sobre o qual se erguem as universidades públicas brasileiras, com os seguintes objetivos:

  • Contribuir com a produção de conhecimento na área da Educação e demais campos de estudos que têm a Educação como área de inserção;
  • Produzir e aprofundar estudos relativos à área de concentração do programa e de suas linhas de pesquisas;
  • Contribuir com os estudos na área da Educação que levem ao desenvolvimento e a promoção do ser humano;
  • Acolher a diversidade e diferenças formadoras da existência humana em suas dimensões pessoais e sociais;
  • Elaborar instrumentos de pesquisa, produzir materiais que envolvam a área de concentração do programa e de suas linhas de pesquisas;
  • Ampliar as redes nacionais e internacionais de investigação, envolvendo a área de concentração do programa e de suas linhas de pesquisa;
  • Contribuir com o Programa de Pós-Graduação de outras universidades, ofertando disciplinas para o mestrado e doutorado, organizando encontros de natureza científica, em encontros institucionais, entre outros;
  • Contribuir com a Graduação, fortalecendo a articulação entre esses segmentos de formação discente e atuação docente;
  • Colaborar com o projeto político pedagógico da universidade, alicerçado no tripé ensino, pesquisa e extensão;
  • Contribuir com os princípios éticos e democráticos, bem como ao respeito à diversidade e a cidadania, que promovam o convívio social republicano;
  • Atuar com transformações sociais e promoção da vida nas escalas locais, regionais, nacionais e internacionais.