O Futebol UFJF – projeto de extensão da Faculdade de Educação Física e Desportos (Faefid) da Universidade Federal de Juiz de Fora – sagrou-se, campeão da Segunda Divisão do Campeonato Mineiro Sub-17, no último final de semana. Esta é a segunda vez que a UFJF conquista o torneio; no ano passado, o projeto ficou com o título da mesma categoria, tendo a Associação de Ensino e Pesquisa em Esporte e Lazer (Asepel) como parceira. O projeto é desenvolvido em parceria com o Tupynambás Futebol Clube.

 A equipe precisava de um empate para conquistar o título do Mineiro sub-17; mesmo assim, venceu o Pouso Alegre por 3 a 1, no último sábado, 14, no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, em Juiz de Fora. Com os 30 pontos somados, o Projeto garantiu o troféu com duas rodadas de antecipação.

“A importância dessa conquista e, principalmente, da experiência vivida por essas duas realidades – extensão com jovens jogadores e formação de recursos humanos com os alunos – é a aplicação correta dos aprendizados, na dimensão da pedagogia, da teoria do treinamento e de entendimento do jogo. Isso demonstra um caminho que está sendo trilhado, que parece ser de sucesso”, afirma o coordenador da iniciativa, professor Marcelo Matta.

Mesmo com a derrota do sub-15 para o Pouso Alegre – 2 a 1, também no Estádio Municipal – o acesso das equipes sub-15 e sub-17 da UFJF à elite do Campeonato Mineiro em 2020 foi confirmado. Como o regulamento prevê o acesso de três equipes a partir do somatório de pontos nas duas categorias e há 12 pontos em disputa – duas rodadas no sub-15 e no sub-17 -, o projeto está garantido na primeira divisão, já que tem 48 pontos e o União Luziense, primeiro time fora do grupo dos três melhores, tem 34. Em conjunto, a UFJF lidera a classificação geral, com um ponto a mais que o Villa Nova-MG e nove a mais que o Santarritense.

Para Matta, como acesso à elite, a exigência e os desafios certamente irão aumentar. “Nossos alunos da Faefid estarão submetidos a situações que irão gerar novas experiências. Consequentemente, irão se desenvolver mais e haverá uma melhor formação de recursos humanos, para aqueles que querem trabalhar com futebol. Isso é de extrema importância para a Universidade e para os jovens atletas, que serão desafiados. Não existe desenvolvimento sem desafio”, argumenta.

Próximos jogos

Ainda restam duas rodadas para o encerramento da competição. A UFJF recebe o Santarritense no próximo sábado, 21, pela manhã, em Juiz de Fora, e visita o Guarani-MG, em Divinópolis, na manhã do dia 28 de setembro. As partidas acontecem pelas categorias sub-15 e sub-17, respectivamente.

O coordenador da equipe aponta que o maior sucesso do projeto é a formação de recursos humanos. “Temos acadêmicos que trabalham nos Estados Unidos, em equipes profissionais do Campeonato Brasileiro, nas escolas de futebol de Juiz de Fora. Tudo isso é devido à capacidade e qualificação dos nossos alunos”, finaliza.

Outras informações: (32) 2102- 3292 – Faculdade de Educação Física e Desportos