Fechar menu lateral

Plano de Ensino

Disciplina: PSI192 - PSICOLOGIA E SAÚDE NAS INSTITUIÇÕES

Créditos: 4

Departamento: DEPTO DE PSICOLOGIA /ICH

O modelo biopsicossocial em saúde. A Psicologia e a ética na promoção, prevenção e reabilitação na saúde do indivíduo em diferentes instituições (trabalho, educação, saúde etc.). A atuação do Psicólogo nas equipes de saúde das instituições: novas possibilidades de intervenção.
Unidade 1
Concepções atuais sobre saúde e doença (Organização Mundial da Saúde)
Modelo biopsicossocial em saúde
Concepções sobre bem-estar e qualidade de vida
Unidade 2
Psicologia na promoção e prevenção em saúde
Psicologia na reabilitação em saúde
Avaliação em saúde
Unidade 3
Psicologia da saúde e ética nas instituições de trabalho, de saúde e escolas
O trabalho multi e interdisciplinar nas instituições
O trabalho com a equipe e familiares
Seidl, E., & Miyazaki, M. (2014). Psicologia da Saúde: Pesquisa e Atuação Profissional no Contexto de Enfermidades Crônicas. Curitiba: Juruá.
Diniz, D. (2013). Qualidade de vida. São Paulo: Manole.
Almeida, C. (2000). O psicólogo no hospital geral. Psicologia Ciência e Profissão, 20(3): 24-27.
Ferreira, M. C. & Mendonça, H. (2012). Saúde e bem estar no trabalho: dimensões individuais e culturais. São Paulo: Casa do Psicólogo.
Rudnick, T., & Sanchez, M. (2014). Psicologia da Saúde: a prática da terapia congitivo-comportamental em hospital geral. Novo Hamburgo: Sinopsys.
Buss, P. (2000). Promoção da saúde e qualidade de vida. Ciência & Saúde Coletiva, 5(1), 163-177.
de Andrade, Â., & Morato, H. (2004). Para uma dimensão ética da prática psicológica em instituições. Estudos de Psicologia, 9(2), 345-353.
Peduzzi, M. (2001). Equipe multiprofissional de saúde: conceito e tipologia. Revista de Saúde Pública, 35(1), 103-109.
Minayo, M., Hartz, Z., & Buss, P. (2000). Qualidade de vida e saúde: um debate necessário. Ciência & Saúde Coletiva, 5(1),7-18.
Tonetto, A., & Gomes, W. (2007). A prática do psicólogo hospitalar em equipe multidisciplinar. Estudos de Psicologia (Campinas), 24(1), 89-98.
Trintade, I., & Teixeira, J. (2000). Aconselhamento psicológico em contextos de saúde e doença - Intervenção privilegiada em psicologia da saúde. Análise Psicológica, 18(1), 3-14.
Moscovici, F. (2003). Equipes dão certo: a multiplicação do talento humano. 8a.ed. Rio de janeiro: José Olympio.
Machado, J., Sorato, L., & Codo, W. (2010). Saúde e trabalho no Brasil: uma revolução silenciosa. Petrópolis, Vozes.
Magnólia, A. (Ed.). (2008). Trabalho e saúde: o sujeito entre a emancipação e a servidão. Curitiba: Juruá.