Fechar menu lateral

Plano de Ensino

Disciplina: FIL023 - FILOSOFIA SOCIAL

Créditos: 4

Departamento: DEPTO DE FILOSOFIA /ICHL

O curso tem por objetivo tematizar as contribuições de Marx, Nietzsche e Freud para
a reflexão filosófica sobre o mundo social; bem como analisar as questões
fundamentais da teoria social contemporânea, levando em conta os problemas
suscitados pelas transformações econômicas, sociais e políticas que caracterizam o
capitalismo tardio.
Introdução: filosofia e teoria social
1. Marx e a crítica da ideologia
2. Nietzsche e a genealogia da moral
3. Freud e o mal-estar na civilização
4. Harvey e a condição pós-moderna
5. Wood: capitalismo e democracia
6. Antunes e as transformações no mundo do trabalho
7. Wacquant: a questão social no capitalismo globalizado
FREUD, Sigmund. O mal-estar na civilização. São Paulo: Abril Cultural, 1978. (Col.
Os pensadores)
HARVEY, David. Condição pós-moderna. Uma pesquisa sobre as origens da
mudança cultural. São Paulo: Edições Loyola, 1994.
MARX, Karl. Manuscritos econômico-filosóficos. São Paulo: Boitempo Editorial,
2004.
NIETZSCHE, Friedrich. Obras incompletas. São Paulo: Abril Cultural, 1978. (Col.
Os pensadores)
WOOD, Ellen Meiksins. Democracia contra capitalismo. A renovação do
materialismo histórico. São Paulo: Boitempo, 2003.
ALVES, Giovanni. O novo (e precário) mundo do trabalho. Reestruturação produtiva
e crise do sindicalismo. São Paulo: Boitempo, 2005.
ANTUNES, Ricardo (Org.). Riqueza e miséria do trabalho no Brasil. São Paulo:
Boitempo, 2006.
__________. Riqueza e miséria do trabalho no Brasil II. São Paulo: Boitempo, 2013.
__________. Adeus ao trabalho?: ensaio sobre as metamorfoses e a centralidade do
mundo do trabalho. São Paulo: Cortez, 2010.
BOLTANSKI, Luc e CHIAPELLO, Ève. O novo espírito do capitalismo. São Paulo:
Editora WMF Martins Fontes, 2009.
BOURDIEU, Pierre. Contrafogos: táticas para enfrentar a invasão neoliberal. Rio de
Janeiro: Jorge Zahar, 1998.
BRAGA, Ruy. A política do precariado: do populismo à hegemonia lulista. São
Paulo: Boitempo/USP, 2012.
BRAVERMAN, Harry. Trabalho e capital monopolista. A degradação do
trabalho no século XX. Rio de Janeiro: Editora Guanabara, 1987.
DUFOUR, Dany-Robert. O divino mercado: a revolução cultural liberal. Rio de
Janeiro: Companhia de Freud, 2008.
EAGLETON, Terry. As ilusões do pós-modernismo. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed.,
1998.
__________. Ideologia. Uma introdução. São Paulo: Ed. Unesp / Ed. Boitempo,
1997.
HARVEY, David. O neoliberalismo: história e implicações. São Paulo: Edições
Loyola, 2008.
__________. Para entender O capital. São Paulo, SP: Boitempo, 2013.
JAMESON, Fredric. A cultura do dinheiro: ensaios sobre a globalização. Petrópolis,
RJ: Vozes, 2001.
JAPPE, Anselm. As aventuras da mercadoria. Para uma nova crítica do valor.
Lisboa: Antígona, 2006.
MARX, Karl. O capital: crítica da economia política: livro I. Rio de Janeiro:
Civilização Brasileira, 2004.
__________ e ENGELS, Friedrich. A ideologia alemã. São Paulo: Martins Fontes,
1998.
MÉSZÁROS, István. A teoria da alienação em Marx. São Paulo: Boitempo, 2006.
MOURA, Carlos Alberto Ribeiro de. Nietzsche: civilização e cultura. São Paulo:
Martins Fontes, 2005.
RANIERI, Jesus. A câmara escura: alienação e estranhamento em Marx. São Paulo:
Boitempo, 2001.
RUSCHE, Georg e KIRCHHEIMER, Otto. Punição e estrutura social. Rio de
Janeiro: ICC / Editora Revan, 2004.
WACQUANT, Loïc. As prisões da miséria. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2001.
__________. Punir os pobres: a nova gestão da miséria nos Estados Unidos. Rio de
Janeiro: F. Bastos, 2001, Revan, 2003.
WOOD, Ellen Meiksins e FOSTER, John Bellamy (Orgs.). Em defesa da história:
marxismo e pós-modernismo. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1999.