Fechar menu lateral

Plano de Ensino

Disciplina: CRE032 - PSICOLOGIA DA RELIGIÃO

Créditos: 4

Departamento: DEPTO DE CIENCIA DA RELIGIAO /ICH

A disciplina Psicologia da Religião pretende investigar o fenômeno religioso a partir de sua motivação, sua percepção e seus efeitos na psique humana, tanto de indivíduos, quanto de grupos específicos. Ao invés de tratar dos elementos sagrados, a partir de sua sacralidade, estudará as funções psíquicas que tornam possíveis a consideração de algo como sagrado por parte de indivíduos ou grupos sociais. Distinguindo-se das ciências sociais, a psicologia da religião investigará os fenômenos religiosos grupais a partir de suas condicionantes psicológicas e de seus efeitos sobre a psique dos respectivos indivíduos. Distinguindo-se da teologia, não se ocupará com a questão da verdade propriamente dita nas distintas religiões; porém, com as repercussões anímicas desta sobre o ser humano, em suas emoções, cognições e comportamentos. E, ao invés de realizar uma mera aplicação da psicologia ao estudo da religião, buscará um diálogo crítico e recíproco entre a psicologia e a religião.
Introdução Apresentação; Plano de Aula; Introdução: Questões Hermenêuticas da Disciplina

Módulo I: Origens da Psicologia da Religião Hermenêutica História Fundamentação Escolas – Correntes

Módulo II: Teorias em Psicologia da Religião Teorias do Surgimento da Religiosidade Personalidade e Experiência Religiosa Símbolos e Experiência Religiosa Temas em Psicologia da Religião

Módulo III: Psi. da Rel. a partir de Temas Selecionados Religião e Ilusão Desenvolvimento Religioso Vocação Religiosa Símbolo e Religião Experiência Religiosa Misticismo Religioso Personalidade e Religião Religião e Sentido da Vida
Livro Texto: ÁVILA, Antonio. Para Conhecer a Psicologia da Religião. São Paulo: Loyola, 2007.

Módulo I: Origens da Psicologia da Religião.

BENKÖ, Antal. Psicologia da Religião. São Paulo: Loyola, 1981. p. 5-22.

BUBER, Martin. Eclipse de Dios. México: Fondo de Cultura Económica, 1995. p. 91-127.

FRAAS, Hans-Jürgen. A Religiosidade Humana. Compêndio de Psicologia da Religião. São Leopoldo: Sinodal, 1997. p. 9-33.

NOÉ, Sidnei Vilmar. O Estudo da Religião entre a Fenomenologia e a Psicologia. In: L. H. Dreher. A Essência Manifesta. Juiz de Fora: Editora UFJF, 2003. P. 59-75.

OLIVEIRA, J. H. Barros de. Psicologia da Religião. Coimbra: Almedina, 2000. p. 37-47.

Módulo II: Teorias da Psicologia da Religião.

BENKÖ, Antal. Psicologia da Religião. São Paulo: Loyola, 1981. p. 63-130.

FRAAS, Hans-Jürgen. A Religiosidade Humana. Compêndio de Psicologia da Religião. São Leopoldo: Sinodal, 1997. p. 34-100.

OLIVEIRA, J. H. Barros de. Psicologia da Religião. Coimbra: Almedina, 2000. p. 75-150.

Módulo III: Psicologia da Religião a partir de Temas Selecionados

Religião e Ilusão:

FREUD, S. O Futuro de uma Ilusão. In: Ed. Standard Brasileira das Obras Psi. Completas de S. Freud. Rio de Janeiro: Imago.

WONDRACEK, K. H. K. O Futuro e a Ilusão. Petrópolis: Vozes, 2003.
Experiência Religiosa:

PAIVA, Geraldo José de. Estudos psicológicos da experiência religiosa. Temas psicológicos [online]. 1998.

VALLE, Edênio. Psicologia e experiência religiosa. São Paulo: Loyola, 1998.

Desenvolvimento Religioso:

FOWLER, James. Estágios da Fé. São Leopoldo: Sinodal, 1992.

Misticismo Religioso:

JAMES, William. As Variedades da Experiência Religiosa. São Paulo: Cultrix.

Vocação Religiosa:

DREWERMANN, Eugen. Funcionários de Deus: psicograma de um ideal. Portugal: Inquérito, 1989.

NOÉ, Sidnei Vilmar. A Vocação Sublime: da relação entre religião e sublimação na definição da vocação religiosa. Psicol. São Paulo: USP, 2010 .

SANTOS, Tatiene Ciribelli. Os funcionários de Deus... Diss. Mestrado. Juiz de Fora: UFJF, 2010.

Personalidade e Religião:

FRAAS, Hans-Jürgen. A Religiosidade Humana. Compêndio de Psicologia da Religião. São Leopoldo: Sinodal, 1997. p. 75-100.

JUNG, Carl Gustav. Tipos psicológicos. Petrópolis: Vozes, 1991.

RIEMANN, Fritz. Formas básicas de la angústia. Barcelona: Herder, 1978.

Símbolo e Religião:

GIOVANNONI, Hermenegildo Ferreira. A importância do símbolo para a compreensão da religião e da arte segundo Carl Jung. 2009. 118 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Ciência da Religião, Universidade Federal de Juiz de Fora, Juiz de Fora, 2009.

NOÉ, Sidnei Vilmar. Verbete: Símbolo. In: F. Bortolleto Filho et al. (Orgs.), Dicionário Brasileiro de Teologia. São Paulo: ASTE, 2008.

Religião e sentido da vida:

FRANKL, Viktor Emil. A presença ignorada de Deus. Petrópolis: Vozes, 1992.

FRANKL, Viktor Emil. Em busca de sentido: Um psicólogo no campo de concentração. Petrópolis: Vozes, 1991.

FRANKL, Viktor Emil. Psicoterapia e sentido da vida. 4ª. ed. São Paulo: Quadrante, 2003.

FRANKL, Viktor Emil. Sede de sentido. 3ª ed. São Paulo: Quadrante, 2003.