Fechar menu lateral

Estação Meteorológica

Estação Meteorológica Convencional

Nesta página temos uma breve descrição dos principais equipamentos presentes numa estação climatológica. Estações do tipo convencional são as mais antigas instaladas pelo INMET no Brasil. Muitas estação como a de Juiz de Fora já possuem mais de 100 anos de registro de dados climáticos. Nesse tipo de estação todos equipamentos são analógicos sem a necessidade do uso de energia elétrica. Eles mensuram os valores dos elementos climáticos pelos próprios mecanismos físicos do parâmetro a qual foram construídos para mensurar. Mas alguns dos equipamentos registradores são movidos por mecanismos de corda. A maioria dos equipamentos são de origem alemã da década de 1940.

Foto aérea da Estação climatológica principal de Juiz de Fora

Foto aérea da Estação Climatológica Principal de Juiz de Fora

 

Visão frontal da Estação Climatológica Principal de Juiz de Fora

Visão frontal da Estação Climatológica Principal de Juiz de Fora

 

 

ABRIGO METEOROLÓGICO

Abrigo Mereorológico

O abrigo encontra-se a uma altura padrão, de 1,5 metros e é construído por ripas de madeira branca, que permitem uma ventilação natural e ao mesmo tempo permitem criar condições de sombra aos equipamentos. Alguns instrumentos são contidos no seu interior, como os termômetros de máxima e mínima, o aparelho registrador (termo-higrômetro), o evaporímetro e o psicrômetro.

 

CATAVENTO WILD

 

Catavento Wild

 

Mede a direção e a velocidade do vento. A direção é dada por uma haste horizontal orientada por um par de aletas em relação a quatro hastes fixas que indicam os pontos cardeais. As aletas também mantém a placa de medição da velocidade do vento sempre perpendicular à direção do vento. A velocidade é obtida a partir da flexão de uma placa retangular móvel em relação à vertical, sob a ação do vento. A deflexão é medida sobre uma escala de 7 pinos colocados sobre um arco de metal. A conversão para velocidade do vento é feita pela tabela abaixo: (Física UFPR)

Catavento Wild Tabela

 

BARÔMETRO

 

Barômetro

Mede a pressão atmosférica em coluna de milímetros de mercúrio (mm Hg) e em hectopascal (hPa).

EVAPORÍMETRO DE PICHÈ

Evaporimetro

Mede a evaporação – em mililitro (ml) ou em milímetros de água evaporada – a partir de uma superfície porosa, mantida permanentemente umedecida por água.

HELIÓGRAFO DE CAMPBEL-STOKES

 

HELIÓGRAFO DE CAMPBEL-STOKES

Aparelho que mede o número de horas de brilho solar em um dia, também chamada de insolação. A esfera de vidro funciona como uma lupa que concentra os raios solares queimando um papel em sua base grafando em que horário houve brilho solar.

PLUVIÔMETRO

Mede a quantidade de precipitação pluvial (chuva), em milímetros (mm). Um milímetro de chuva equivale a precipitação de 1 litro de água em 1 metro quadrado.

PLUVIÓGRAFO

PLUVIÓGRAFO

Mede a quantidade de precipitação pluvial (chuva), em milímetros (mm) e a registra em um papel formando um gráfico da variação da chuva ao longo do dia.

PSICÔMETRO

 

Formado por dois termômetros que na imagem são os dispostos na vertical. Registra a temperatura do ar e  a umidade relativa do ar – de modo indireto – em porcentagem (%). Compõe-se de dois termômetros idênticos, um denominado termômetro de bulbo seco, e outro com o bulbo úmido que fica envolvido em gase ou cadarço de algodão mantido constantemente molhado, a partir da diferença registrada entre os dois termômetros calcula-se a umidade relativa do ar. Quando a umidade relativa do ar está 100% os dois termômetros exibem a mesma temperatura.

O Termômetro de bulbo seco também possui a função de registrar a temperatura momentânea do ambiente. Nas estações meteorológicas os termômetros utilizam como elemento sensível o mercúrio, em virtude de seu baixo tempo de resposta às variações termais do ambiente, sendo mais sensível que termômetros digitais.

 

TERMÔMETROS DE MÁXIMA E DE MÍNIMA

Termômetros de Máxima e Mínima

São os 2 termômetros dispostos horizontalmente no suporte. O termômetro de máxima é responsável por registrar à maior temperatura diária, que ocorre normalmente próximo as 15h, através do registro em seu tubo de mercúrio. É colocado normalmente na parte superior do suporte termométrico. O termômetro de mínima difere basicamente do termômetro de máxima através de seu elemento sensível registrador, que ao invés de mercúrio, utiliza o álcool, que arrasta um índice imerso, responsável por registrar a menor temperatura diária. Na imagem o termômetro de Mínima marca 14,5ºC. Normalmente a temperatura mínima do ar ocorre logo antes do nascer do sol.

 

TERMOHIGRÓGRAFO

TERMOHIGRÓGRAFO

Registra, simultaneamente, a temperatura (°C) e a umidade relativa do ar (%) e faz um gráfico com sua variação ao longo do dia. Esse é um dos equipamentos mais interessantes da estação em funcionamento. A umidade do ar é registrada a partir da dilatação de cabelos humanos que são dispostos em feixes ao lado do aparelho.