Fechar menu lateral

Plano de Ensino

Disciplina: PSI193 - PREVENÇÃO DAS DIFICULDADES DE APRENDIZAGEM

Créditos: 4

Departamento: DEPTO DE PSICOLOGIA /ICH

Dificuldades, transtornos ou distúrbios de aprendizagem. Níveis e modalidades de intervenção preventiva com foco nas dificuldades de aprendizagem da linguagem oral, da linguagem escrita e do
aprendizado da matemática.
Unidade 1 Produção nacional sobre queixa escolar e a proposta da “produção do fracasso escolar” - Produção científica nacional sobre queixa escolar. - Análise da proposta “A produção do fracasso escolar” com base nas pesquisas nacionais e internacionais contemporâneas.
Unidade 2
Classificação, definição e identificação dos transtornos/dificuldades de aprendizagem
- Definições: Dificuldade X Transtorno X Distúrbio
- Critérios de classificação
- Características do modelo de Resposta à Intervenção (RTI) – pontos fortes e fracos
Unidade 3
Níveis e modalidades de intervenção do(a) psicólogo(a) com foco no desenvolvimento da linguagem oral
- Definições: Linguagem X Fala X Comunicação
- Desenvolvimento fonológico, lexical, morfossintático e das habilidades de comunicação social (pragmática).
- Transtornos da fala, da fluência, da linguagem oral e da comunicação social.
- Avaliação, intervenção (prevenção e remediação), monitoramento.
Unidade 4
Níveis e modalidades de intervenção do(a) psicólogo(a) com foco no aprendizado da linguagem escrita
- Definições: Precisão X Fluência X Compreensão
- Variáveis cognitivas e metalinguísticas subjacentes ao aprendizado da leitura e da escrita.
- Transtorno específico da aprendizagem: escrita; leitura (dislexia)
- Avaliação, intervenção (prevenção e remediação), monitoramento.
Unidade 5
Níveis e modalidades de intervenção do(a) psicólogo(a) com foco no aprendizado da matemática.
- Modelos de desenvolvimento da cognição numérica
- Variáveis cognitivas de domínio geral e de domínio específico subjacentes ao aprendizado da matemática.
- Transtorno específico da aprendizagem: discalculia
- Avaliação, intervenção (prevenção e remediação), monitoramento.
Carvalho, (2011). A produção do fracasso escolar: a trajetória de um clássico. Psicologia USP, 22(3), 569-578
Corrêa, L. (2006). Aquisição da linguagem e problemas do desenvolvimento linguístico. Rio de Janeiro: PUC-Rio. Dazzani, M., Cunha, E., Luttigards, P., Zucoloto, P., & Santos, G. (2014). Queixa escolar: uma revisão crítica da produção científica nacional. Revista Quadrimestral da Associação Brasileira de Psicologia Escolar e Educacional, 18 (3), 421-428. Fletcher, J., Lyons, G., Fuchs, L., & Barnes, M. (2009). Transtornos de aprendizagem: da identificação à intervenção (R. Costa, Trad.). Porto Alegre: Artmed. (Trabalho original publicado em 2007).
Hoff, E. (2009). Language development. Belmont: Wadsworth Cengage Learning.
Oakhill, J., Cain, K., & Elbro, C. (2017). Compreensão de leitura: Teoria e prática. São Paulo: Hogrefe. Parente, M. (2009). Cognição e envelhecimento. Porto Alegre: Artmed.
Snowling, M., & Hulme, C. (Eds.). (2013). A ciência da leitura (R. Costa, Trad.). Porto Alegre:
Penso. (Trabalho original publicado em 2005). *Artigos disponibilizados no Portal Periódicos

Artigos disponibilizados no Portal Periódicos CAPES (www.periodicos.capes.gov.br/) e artigos publicados em revistas científicas nacionais especializadas em Psicologia.
American Psychiatric Association (2014). Manual diagnóstico e estatístico de transtornos mentais: DSM-5/[American Psychiatric Association; tradução: Maria Inês Corrêa Nascimento... et al.]; revisão técnica: Aristides Volpato Cordioli ...[et al.]. – 5. ed. Porto Alegre: Artmed. Campbell, J. (Ed.). (2004). The handbook of mathematical cognition. New York: Psychology Press. Connor, C., & McCardle, P. (Ed.). (2015). Advances in reading intervention: research to practice to research. Baltimore: Paul H. Brookes Publishing Co. Kadosh, R., & Dowker, A. (Ed.). (2015). The Oxford handbook of numerical cognition. Oxford: Oxford University Press. Lamprecht, R. (Ed.). (2004). Aquisição fonológica do português: perfil de desenvolvimento e subsídios para terapia. Porto Alegre: Artmed. Lamprecht, R. (2011). Aquisição da linguagem: estudos recentes no Brasil. Porto Alegre: EdiPUCRGS. Maluf, R., & Cardoso-Martins, C. (Ed.). (2013). Alfabetização no século XXI: como se aprende a ler e a escrever. Porto Alegre: Penso. Nunes, T., & Bryant, P. (2014). Leitura e ortografia: além dos primeiros passos. Porto Alegre: Penso. O'Connor, R., & Vadasy, P. (Ed.). (2011). Handbook of reading interventions. New York: The Guilford Press.
Paul, R., & Norbury, C. (2012). Language disorders from Infancy through adolescence: listening, speaking, reading, writing, and communicating. St. Louis: Elsevier.
Pinheiro, P. (2008). Leitura e escrita: uma abordagem cognitiva. Campinas: Editora Livro Pleno.