Fechar menu lateral

Plano de Ensino

Disciplina: HIS081 - HISTORIA DO BRASIL REPUBLICA I

Créditos: 4

Departamento: DEPTO DE HISTORIA /ICH

Trata-se do estudo da Primeira República no Brasil, a partir de um enfoque geral, que aborda seus aspectos políticos, econômicos, sociais e culturais. Optamos por seguir uma ordem cronológica (governo a governo) e em cada quatriênio abordamos com prioridade temas que consideramos mais destacados para cada período, ou seja, aqueles que foram mais contemplados pela historiografia.
Unidade 1: A proclamação da República e Bases do Regime Oligárquico;
Unidade 2: A Hegemonia Paulista sobre a República;
Unidade 3: A República e suas Novas Alianças;
Unidade 4: A nova Década da Velha República.
ABREU, Marcelo de P. (org.) A ordem do progresso, cem anos de política econômica republicana (1889-1989). Rio de Janeiro: Campus, 1989, cap. 2.
ALONSO, Angela. Ideias em movimento: a geração de 1870 na crise do Brasil Império. Rio de Janeiro: Paz e terra, 2002, cap. 3.
BATALHA, Cláudio. O movimento operário na primeira república. Rio de Janeiro: Zahar, 2000.
CARVALHO, José M. A formação das almas: O imaginário da República no Brasil. São Paulo: Cia das Letras, 1990, capítulo 2.
CARVALHO, José Murilo. Os Bestializados: O Rio de Janeiro e a República que não foi. São Paulo: Cia das Letras, 1989, cap. 4.
CASTRO, Celso. Os militares e a república: um estudo sobre cultura e ação política. Rio de Janeiro: Zahar, 1995, cap. 3.
CHALHOUB, Sidney. Cidade febril: cortiços e epidemias na corte imperial. São Paulo: Cia das Letras, 1996, cap. 3.
CHALHOUB, Sidney. Trabalho, lar e botequim: o cotidiano dos trabalhadores no Rio de Janeiro da Bélle Époque. São Paulo: Brasiliense, 1986, cap. 1.
COSTA, Maria E.V. Da Monarquia à república: momentos decisivos. 5ed. São Paulo: Brasiliense, 1991. (os dois últimos capítulos).
LESSA, Renato. A invenção republicana. Rio de Janeiro: Vértice, 1988, segunda parte.
LEVINE, Robert M. O sertão prometido: o massacre de Canudos. São Paulo: EDUSP, 1995. Introdução e conclusão.
MENEZES, Lená Medeiros de. Os indesejáveis. Rio de Janeiro: Eduerj, 1996, cap. 3.
PESAVENTO, Sandra J. Os pobres da cidade. 2ed, Porto Alegre: Ed. UFRGS, 1998, Cap. 4 (O espaço da Vida)
QUEIROZ, Suely R. de. O Jacobinismo na historiografia republicana. In: LAPA, José R. do Amaral (org.) História política da república. São Paulo: Papirus, 1990.
SCHULZ, John. A crise financeira da abolição. São Paulo: Edusp, 1996, cap. 5.
SCHULZ, John. O Exército na política: origens da intervenção militar: 1850/1894. São Paulo: Edusp, 1994, cap. 7.
SEVCENKO, Nicolau. A revolta da vacina: mentes insanas em corpos rebeldes. São Paulo: Editora Scipione, 1993.
VISCARDI, Cláudia M.R. Teatro das oligarquias: uma revisão da política do café com leite. Belo Horizonte: C/Arte, 2001, Capítulo 1.


FAUSTO, Boris. A Revolução de 1930: Historiografia e História. 14 ed. São Paulo: Brasiliense, 1994, cap.2.
FERREIRA, Marieta de M. A reação republicana e a crise dos anos 20. In: Revista Estudos Históricos, nº 11, jan-junho, 1993, FGV, CPDOC, RJ, 9-23.
GALLO, Ivone C. D. O contestado: o sonho do milênio igualitário. Campinas: Unicamp, 1999, Introdução e conclusão.
HALLOWAY, Thomas H. Vida e morte do convênio de Taubaté: A primeira valorização do café. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1978, cap. 3.
LAHUERTA, Milton. Os intelectuais e os anos 20: moderno, modernista, modernização. In: DE LORENZO, Helena de C. e COSTA, Wilma P.(orgs) A década de vinte e as origens do Brasil Moderno. São Paulo: UNESP, 1997.
MACHADO, Paulo P. Lideranças do Contestado. Campinas: Unicamp, 2004, cap. 2 e 3.
MELLO, Frederico P. de. Guerreiros do Sol: Violência e Banditismo no Nordeste do Brasil. São Paulo: A Gira Editora, 2004, cap. 3 e 6.
NASCIMENTO, Álvaro P. de. Cidadania, cor e disciplina na revolta dos marinheiros de 1910. Rio de Janeiro, Mauad/Faperj, 2008, Cap. 1 e epílogo.
SEVCENKO, Nicolau. Orfeu extático na metrópole. São Paulo, sociedade e cultura nos frementes anos 20. 2 ed. São Paulo: Cia das Letras, 1992, cap 4.
SUZIGAN, Wilson. Indústria brasileira: origem e desenvolvimento. São Paulo: Brasiliense, 1986, cap. 1.
VISCARDI, Cláudia M.R. Teatro das oligarquias: uma revisão da política do café com leite. Belo Horizonte: C/Arte, 2001, capítulos 3 e 4.
VISCARDI, Cláudia M.R. Teatro das oligarquias: uma revisão da política do café com leite. Belo Horizonte: C/Arte, 2001, cap. 5.
VISCARDI, Cláudia M.R. Teatro das oligarquias: uma revisão da política do café com leite. Belo Horizonte: C/Arte, 2001, capítulo 8.