Nossos vídeos

Cobertura jornalística da Rádio Industrial sobre a criação do Campus da Universidade Federal de Juiz de Fora com o discurso do então presidente Juscelino Kubitschek (1902-1976), diretamente de Brasília no dia 23 de dezembro de 1960.

 

Em setembro de 1969, a construção do Campus da Universidade Federal de Juiz de Fora estava a pleno vapor. No vídeo, as imagens mostram a Estrada Engenheiro Gentil Forn, único caminho possível para se chegar ao bairro São Pedro. Na época, a antiga Avenida Independência ainda não havia sido construída. Ainda é possível assistir ao então reitor Gilson Salomão acompanhando as obras.

Confira o depoimento do primeiro reitor da UFJF, Moacyr Borges de Mattos (1913-2007), concedido à professora Lola Yasbeck, ex-diretora da Faculdade de Educação (Faced). Mattos fala sobre a criação da universidade, em 1960, quando foram reunidas as faculdades particulares de Direito, Medicina, Farmácia e Odontologia e Ciências Econômicas e a Escola de Engenharia, e comenta sobre sua nomeação e posse para o cargo de reitor.

 

Em depoimento ao projeto de extensão Memória da UFJF, concedido em 02 de agosto de 2007, o engenheiro responsável pelo projeto do Campus Sede da UFJF, Arthur Arcuri, conta detalhes sobre a construção do espaço.

 

Em depoimento ao projeto Memória da UFJF, concedido em 14 de agosto de 2008, o ex-servidor da Universidade, Antônio José Cedrola, conta detalhes sobre a criação da instituição como a nomeação dos primeiros funcionários da Reitoria, e a incorporação e criação das primeiras faculdades.

 

O ex-professor da Faculdade de Medicina da UFJF, Amaury Teixeira Leite Andrade, conta sobre a fundação do Campus Universitário da UFJF.

 

Em 11 de setembro de 2007, o ex-diretor da Faculdade de Direito deu seu depoimento sobre a criação da UFJF, em 1960, época em que ainda era estudante. Ele conta que juntaram dados sobre a cidade de Juiz de Fora em um memorial enviado a vários deputados, senadores e prefeitos da região destacando a importância que teria a universidade para toda a zona da mata e para o estado de Minas Gerais.  Imagens: Projeto de Extensão Memória UFJF

O ex-professor e diretor da Faculdade de Direito, Paulo Medina, relembra em depoimento de 11 de setembro de 2007 sua trajetória dentro da Universidade Federal de Juiz de Fora. Ele conta ainda que, em 1976, foi escolhido pelo Presidente da República como diretor da faculdade.

O Diretório Acadêmico de Direito, na época presidido por Paulo Medina, criou o primeiro cartório modelo, que viria a ser o embrião do cartório em assistência judiciária, que dava oportunidade para os estudantes exercerem a advocacia e que funcionava como atividade complementar do curso.

O Ginásio Poliesportivo da Faculdade de Educação Física e Desportos (FAEFID) da UFJF foi construído durante a gestão do professor Aldemir Negrão Martins, na época diretor do antigo ICBG. À época, a FAEFID era um departamento do Instituto que agregava os cursos de Medicina, Fisioterapia, Ciências Biológicas, Educação Física, Enfermagem, Farmácia e Bioquímica e Odontologia. O início da construção do Ginásio se deu no decorrer do mandato do reitor Gilson Salomão, entre 1969 e 1972.

 

O núcleo de teatro infantil do Grupo Divulgação apresenta seu primeiro espetáculo em 1973. De lá pra cá, são 42 peças voltadas para as crianças. O Grupo Divulgação tem sua sede localizada no Forum da Cultura, um dos mais importantes mecanismos culturais da UFJF. Imagens e fotos: acervo Grupo Divulgação.

 

Em 1970, o antigo Hospital-Escola (HE) foi transferido para uma área que pertenceu à associação cultural da Companhia Têxtil Ferreira Guimarães, no Bairro Santa Catarina. Neste espaço, já funcionava a Faculdade de Medicina desde 1952.

 

O Curso de Jornalismo nasceu na antiga Faculdade de Filosofia e Letras – FAFILE, em 02 de Fevereiro de 1958. Com a criação da Universidade Federal de Juiz de Fora, no início da década de 1960, o curso passou a funcionar no Instituto de Ciências Humanas e Letras – ICHL. Com a reforma Universitária, em 1969, o Curso de Jornalismo foi transformado em Curso de Comunicação Social e transferido para a Faculdade de Direito, onde constituiu um departamento daquela unidade, oferecendo as habilitações em Jornalismo, Radialismo e Relações Públicas. Em 1990, foi criada a Faculdade de Comunicação, passando a funcionar em suas antigas instalações, de 1990 a 2018, ano em que um novo prédio foi construído. Imagens: Projeto de Extensão Memória UFJF.

 

Apresentação do coral UNICORO durante programação do 7º Congresso Nacional do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (ANDES), em janeiro de 1988. O coral, regido na época pelo maestro André, Pires, costumava realizar apresentações em eventos na universidade. Imagens: Projeto de Extensão Memória UFJF.

 

No ano do 1986, as duas unidades do Restaurante Universitário (RU) foram reinauguradas e visitadas pelo então reitor Sebastião Marsicano

 

O Cine-Theatro Central, prédio histórico tombado pelo Iphan, carrega grande parte da trajetória artística e musical da cidade de Juiz de Fora. Por seu palco já passaram grandes artistas, com espetáculos e shows marcantes em suas épocas. Confira alguns deles:

O projeto Domingo no Campus é uma ponte que aproxima a comunidade do espaço acadêmico, em atividades artísticas, de lazer, informação e socialização. O registro abaixo é de uma edição especial de Natal, em 2005.

 

A recepção aos calouros já teve vários formatos nesses 60 anos de história. Das tradicionais calouradas dentro das unidades, aos eventos oficiais na Praça Cívica e no Cine-Theatro Central. Essa é de 2004, com apresentação do Coral da UFJF.

 

Criado pelo ator Robson Terra (1955-2012), o espetáculo “A Fábrica de Papai Noel” fez apresentação única no Cine Theatro Central no dia 04 de dezembro de 2005.

 

Apresentação do Coral da Belgo Mineira, agora ArcelorMittal, no Cine-Theatro Central no dia 19 de novembro de 2005

 

Salas com computadores e acesso à internet, na época algo menos comum do que atualmente, foram espalhadas pelo campus para atender à comunidade acadêmica. Ainda em funcionamento, os Infocentros auxiliam no estudo e pesquisa dos alunos e, no caso da unidade da Biblioteca Central, sua utilização é aberta à população. As imagens são da inauguração dos Infocentros em 2005.

 

A Faculdade de Odontologia foi fundada em 22 de agosto de 1904 e foi a primeira faculdade de Odontologia do país, iniciando suas atividades onde hoje se encontra o Instituto Granbery. No ano de 1994, o então diretor, professor Mário Arcanjo, inaugura as novas instalações em cerimônia que contou com a presença do professor René Gonçalves de Matos, que foi reitor da UFJF entre os anos de 1994 e 1998. Imagens: Projeto de Extensão Memória UFJF

 

Graduada no antigo Instituto de Ciências Humanas e Letras (ICHL) e professora vinculada à Universidade Federal de Juiz de Fora desde 1973 (no Colégio de Aplicação João XXIII e na Faculdade de Letras, onde leciona até hoje), Neusa Salim conta um pouco dos seus primeiros passos como estudante na UFJF até se tornar docente na instituição.  Imagens: Projeto de Extensão Memória UFJF

 

A professora aposentada da UFJF, ex-vereadora de Juiz de Fora, militante, feminista e assistente social Nair Barbosa Guedes conta como iniciou sua trajetória na Faculdade de Serviço Social no ano de 1994.  Imagens: Projeto de Extensão Memória UFJF

 

No ano 2000, a Faculdade de Serviço Social da UFJF estabeleceu uma importante parceria com o Movimento Sem Terra (MST). A professora Cristina Simões Bezerra, da Faculdade de Serviço Social, explica como nasceu essa cooperação, que vem ao longo dos anos gerando importantes encontros, debates e troca de experiências entre os trabalhadores rurais e a universidade pública. Imagens: Projeto de Extensão Memória UFJF

Em 2005, no Instituto de Ciências Biológicas da UFJF, autoridades locais e da universidade participaram de visita guiada às novas instalações do Laboratório de Imunologia, acompanhadas pelo professor Henrique Couto Teixeira. Um dos destaques do laboratório, formado em 1993, é a pesquisa com células tronco.

O Projeto de Extensão “O Atletismo em apoio à criança e à adolescência” foi inaugurado em 2005, fruto de uma parceria entre a Faculdade de Educação Física e Desportos e a Caixa. Em cerimônia realizada na pista de atletismo da FAEFID, o então coordenador do projeto, professor José Augusto Rodrigues Pereira conversa com autoridades presentes e com as crianças atendidas.